O que é o Mergulho em Apneia? PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

A palavra apneia deriva do grego a-pnoia, sem respiração, vulgarmente é utilizada para referir-se a uma especialidade desportiva: a imersão na água sem recorrer a um equipamento autónomo de respiração.

A apneia é um desporto regulamentado, com especialidades bem definidas, registo de recordes,  campeonatos mundiais e amadores por todo o mundo.

Um bocado de história:

 As origens desta disciplina são uma mistura entre lendas, dados históricos e crónicas.

Foi utilizada por gregos, romanos e outros povos:

Alguns destes exemplos são:

Os Urinatores à Na época Romana, no século IV a.C., foi criado um grupo de homens destinados a trabalhos debaixo de água, recuperação de âncoras, construção de barreiras submarinas, etc.

image02

As “Ama” (pessoas do mar) japonesas e coreanas, que desde á mais de dois mil anos, utilizam a disciplina da apneia, como modo de subsistência. Divididas em três classes bem definidas por idade e capacidade de imersão. Ganham a vida com a apanha de ostras. images_2

O século XX na apneia

É a época na qual a disciplina sofre uma maior evolução.

Em 1959, nasce a CMAS (Confederação Mundial de Actividades Subaquáticas) pelo comandante Jacque Costeau e um conjunto de outros notáveis.

A década de 70 torna-se um ponto crucial para a apneia, com Jacque Mayol e Enzo Maiorca, os quais revolucionaram este desporto, alcançando quotas de profundidade inimagináveis até o momento. A 23 de Novembro de 1976 Jacque Mayol supera a barreira dos -100m.

images

Na década de 90 nasce a AIDA (Associação Internacional para o desenvolvimento da Apneia) e emergem duas novas figuras, Pipin Ferreras e Umberto Pelizzari. Com eles a apneia adquire uma visão a nível mundial.

 Actualidade

Atualmente existem numerosos praticantes e atletas de elite nas diferentes especialidades do mergulho livre, a destacar entre outros:

William Trubridge

Sara Campbell

Herbert Nitsch

Karol Meyer

….

Especialidades mais conhecidas

PESO_CONST

O peso constante: O atleta alcança a máxima profundidade com ajuda de suas pernas e dotado de umas barbatanas ou mono barbatana, mantendo o mesmo lastro na descida e subida.

VARIABLE_NO_LIMITS

O peso variável regulamentado: O desportista pode utilizar para descer, um lastro de ate um máximo de 30 Kg, do qual liberta-se na subida, esta realiza-se por seus próprios médios.

O no Limits: O apneista utiliza o peso que deseje para alcançar a máxima profundidade, na fase de ascensão liberta-se do mesmo, podendo utilizar um balão com ar para acelerar a subida.

INMERSIO_LIVRE

A imersão livre: O desportista não utiliza barbatanas para atingir a máxima profundidade, podendo se utilizar o cabo guia no descendo e ascensão para progredir.
ESTATICA A apneia estática: Resume-se em permanecer com as vias respiratórias imersas o maior tempo possível. Podendo adoptar qualquer posição.

DINAMICA

A apneia dinâmica: Consiste em recorrer a máxima distancia possível num trajecto horizontal, mantendo a mesma cota de profundidade, normalmente realiza-se em ambiente controlado (piscina).

Academias e Associações de Mergulho em apneia que para além da FPAS existem ou já existiram em Portugal

AIDA (Associação Internacional para o Desenvolvimento da Apneia)

SSI (Scuba School International)

Apnea Academy (Escola de Formação e Investigação do Mergulho em Apneia)